Anderson Salvador reúne professores para discutir Piso do Magistério


Pelo menos 50 profissionais da Educação Municipal de Nova Venécia participaram de uma reunião organizada pelo vereador Anderson Salvador (PSDB), onde foram debatidos temas relacionados ao piso salarial nacional da categoria no município.

A reunião foi realizada no auditório da OAB (Subseção de Nova Venécia) e contou também com as presenças do deputado estadual Sérgio Magevski, do vice-prefeito Paulo Roberto Alves Damasceno e do Sindiupes, representado pelo diretor sindicalista Rodrigo.

Ao decidir agendar a reunião, Anderson Salvador procurou atender aos anseios da categoria profissional que, conforme explanou, não está recebendo remuneração equivalente ao piso nacional, ainda que tenha tal direito desde janeiro deste ano. Anderson Salvador é presidente da Comissão de Educação na Câmara de Nova Venécia.

O deputado estadual Sérgio Magevski, que integra a Comissão de Educação da Assembléia Legislativa do Espírito Santo, abordou o tema com amplo conhecimento da causa. Ele é professor e conta com experiência de 31 anos trabalhados em sala de aula.

Magevski ilustrou detalhes sobre a legislação que rege a categoria, englobando direitos e obrigações e deixou claro que o piso salarial nacional é um direito adquirido pelo professorado e não existe justificativa para que essa lei não seja cumprida, sobretudo pelos municípios.

Alguns professores que estavam presentes também demonstraram suas insatisfações, tanto a respeito da questão salarial como condições de trabalho, carga horária e questoes politicas.A classe também cobrou a atualização do Plano de Carreira do Magistério.

O vice-prefeito Paulo Roberto Damasceno disse que se solidariza com os professores e que é simpático à causa salarial, mas que seu cargo visa apenas uma eventual substituição imediata. Em tom mais claro, ele não detém os meios necessários para intervir na questão, cabendo negociações diretas com o prefeito do município.

O representante do Sindiupes também discorreu sobre o tema apresentando dados técnicos para a categoria e encerrou afirmando a necessidade de mais união entre os profissionais. Segundo ele, essa soma de forças gera resultados positivos.



Anderson Salvador avaliou como positiva a reunião, informando que defender os interesses coletivos faz parte de suas funções como legislador e fiscalizador, representando a comunidade da melhor forma possível , Anderson encaminhará a prefeitura uma indicação reivindicando os direitos do Magistério usando as ferramentas que tem como vereador.“Foi um avanço e continuaremos nesse intuito, pois são esses profissionais que formam os futuros cidadãos”, lembrou o vereador.


Conteúdo Exclusivo produzido por: Wilson Reis (Jornalista - DRT-ES 01358)

Imagens: Assessoria

7 visualizações0 comentário